"A Agência Espacial Europeia (ESA) criou um serviço que permite calcular a quantidade ideal de água para a irrigação das vinhas. O GrapeLook monitoriza a quantidade de água que é libertada pelas plantas, o que poderá “aumentar a quantidade de uvas vindimadas e a qualidade dos vinhos”, destaca a ESA.

O GrapeLook recorre ao uso de satélites e utiliza a tecnologia que combina a informação recolhida pela observação da terra e medições dos terrenos. A leitura de hidratação nos solos é enviada em tempo real para um centro de processamento que pode ser consultado online pelos produtores e vinicultores que aderirem ao serviço, avança o portal sapo. O serviço monitoriza a quantidade de água que é libertada pelas plantas, o crescimento da planta, a eficiência da utilização da água e ainda apresenta índices de irrigação dos solos. As informações são disponibilizadas num site que integra um serviço de mapeamento baseado no GoogleMaps.

Os produtores são notificados por SMS ou MMS acerca dos horários de rega e aplicação de fertilizantes. O GrapeLook já foi testado na África do Sul, tendo sido aprovado por enólogos e vitivinicultores, afirma a ESA. “Pode demorar alguns anos até que as comunidades de agricultores se apercebam das vantagens deste sistema e aprendam a confiar nele, mas as autoridades sul‐africanas estão dispostas a oferecer o serviço por mais uma estação”, explicou Oliver Becu, do gabinete técnico da ESA. O projeto foi desenvolvido pela empresa holandesa WaterWatch, em parceria com a ESA, cofinanciado pelo Departamento de Agricultura de Western Cape na África do Sul, com colaboração da Universidade de Kwazulu‐Natal e o apoio da embaixada holandesa. Annemarie Klaasse, responsável pela WaterWatch, avança que o próximo passo é “expandir o serviço a outras culturas e áreas.”

Enovitis nº27 jan/fev/mar 2012 Page 11